20061011

Mostrando "o cobra"!

Desde já antecipo que não se trata de conversa de alemão! No período de 1996 à 2004 eu colaborei com o jornal "Diário do Rio Claro" com um texto semanal, cuja coluna entitulei: "Caminhar...". Inicialmente, por vários anos, esses textos eram publicados aos sábados, na página 2. Para mim eles eram como se fossem passos de uma jornada em que cada novo texto representava uma nova pegada dessa minha caminhada na estrada da vida.
O título acima refere-se à qualidade intelectual do Bobby, meu filho. Em sua escola ele sempre esteve em evidência, nas notas, premiações, publicações e, atualmente, continua assim nas várias olimpíadas que disputa. Em 1999, quando ele estava com apenas oito anos, eu encontrei em cima do sofá um rascunho de papel com uma história muito interessante, que depois compartilhei com os meus prezados leitores. Como curiosidade mata, também não os deixarei curiosos...
"O que aconteceu no dia das crianças!
Parte 1 (começo): Faltava uma semana para o dia das crianças e todos os papéis de ofertas para presentes estavam sendo distribuídos em tudo quanto era lugar. E já que as pessoas estavam meio preguiçosas, elas começaram a jogar os folhetos na rua. As pessoas continuaram a fazer isso e esse problema foi parar na Prefeitura."
Parte 2 (meio): Na véspera desse dia o prefeito avisou: 'É melhor vocês limparem a cidade ou receberão um castigo, pois amanhã é o dia das crianças e vocês vão ter que limpar a cidade agora mesmo!'. A partir desse minuto todas as pessoas começaram a limpar a cidade.
Parte 3 (fim): No dia seguinte o prefeito fez uma grande festa e no final dela ele falou: 'Eu estou feliz por vocês terem limpado a cidade ontem e vou lhes dar presentes'. Os adultos ganharam um e as crianças ganharam dois. Desde então as pessoas passaram a jogar lixo no lixo. Foi isso o que aconteceu!".
Embora eu reincidisse sempre, ele não gostava que lhe citasse nesses meus textos do jornal, mas, no íntimo, todos nós gostávamos. Depois, confabulando com meus botões, resolvi perguntar-lhe: "Bobby, porque os pais também receberam um presente, quando se tratava do dia das crianças?" Ele inocentemente respondeu: "Eles mereceram um presente porque eles também ajudaram a pôr o lixo no lixo!". Criança tem cada resposta, vocês não acham? Principalmente se for cobra criada!
E devido a isso, para o bem da natureza e feliciddade geral da Nação, até hoje o Bobby Pai recicla todo o seu lixo doméstico. É trabalhoso, mas, esse "creme" compensa!

3 Comments:

Anonymous Márcia(clarinha) said...

Pergunta que não quer calar:Bobby Filho lê seu blog?
Deve ficar inflado de orgulho desse paizão, aff! eu ficaria,rssss
Dá beijão nele pelo "dia das crianças" e lindo dia procês
beijossssssssssssss

4:57 PM  
Blogger Mary said...

Lindo blog e linda postagem.Bom seria se todos soubesse reciclar seu lixo.
Grande beijo.

6:36 PM  
Blogger Jéssica said...

Gostei... Boa noite*.*

7:18 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home