20071218

Na Catedral

Aplhonsus de Guimaraens

Entre brumas ao longe surge a ourora,
O hialino orvalho aos poucos se evapora,
Agoniza o arrebol.
A catedral ebúrnea do meu sonho
Aparece na paz do céu risonho
Toda branca de sol.

E o sino canta em lúgubres responsos:
("Pobre Álvarus") Pobre Alphonsus.

O astro glorioso segue a eterna estrada.
Uma aérea seta lhe cintila em cada
Refulgente raio de luz.
A catedral ebúrnea do meu sonho
Onde os meus olhos tão cansados ponho,
Recebe a benção de Jesus.

E o sino clama em lúgubres responsos:
("Pobre Álvarus") Pobre Alphonsus.

Por entre lírios e lilases desce
A tarde esquiva: amargurada prece
Põe-se a luz a rezar.
A catedral ebúrnea do meu sonho
Aparece na paz do céu tristonho
Toda branca de luar.

E o sino chora em lúgubres responsos:
("Pobre Álvarus") Pobre Alphonsus.

O céu é todo trevas: o vento uiva.
Do relâmpago a cabeleira ruiva
Vem açoitar o rosto meu.
A caderal ebúrnea do meu sonho
Afunda-se no caos do céu medonho
Como um astro que já morreu.

E o sino chora em lúgubres responsos:
("Pobre Álvarus") Pobre Alphonsus.

Ps- Na catedral todos os urubus - Álvarus e Alphonsus - são pardos.

Labels:

6 Comments:

Blogger Ordisi Raluz said...

Meu dileto amigo Gafanhoto, acho que você anda lendo demais e escrevendo de menos.

Pára de procurar pêlo em casca de ovo e bota para fora essas suas idéias, sem dúvida bonitas e brilhantes.

Deixe aflorar do teu espírito as tuas coisas. Não se impressione tanto por tantos sábios e por tantos clássicos. Sem dúvida eles tiveram e têm grande valor. Mas até agora nunhum resolveu o mundo.

Você tem muito valor, amigo. Manda brasa, pô!

Abraços gafanhotais.

11:31 AM  
Blogger Márcia(clarinha) said...

Sabe meu amigo? assino embaixo do que o mestre OR disse,permita-se, acredite-se, aflore-se!
Você me pergunta que tipo de amor verdadeiro vive exclusivamente em função do T...
Eu digo que unicamente em função do tesão nenhum amor sobrevive, mas sem ele nenhum amor começa [não falo do amor filial,maternal,paternal e outros als]tem que ter química, pele com pele, arrepio, perna bamba e isso Álvaro, só o tesão dá.
Você não é pobre, Álvarus,é rico de letras,de sabedoria e de valores, mire-se que descobrirá quão rico é.
Aff! falei muita bobeira né? pois eu sou assim, sem noção, mas garanto que sou de bem com a vida! rsss
beijos

4:59 PM  
Blogger Ordisi Raluz said...

Pin & Güim morrendo de curiosidade sobre o que Gafanhoto anda tramando.

Abraços curiosos.

6:52 PM  
Blogger Ordisi Raluz said...

Gafanhoto, muita farra, saúde e sucesso em 2008 para você e todos os seus.

Que as energias se renovem e que as perspectivas se aflorem, mostrando que, com ou zen, a vida é uma coisa muito boa e interessante.

Abraços de ano novo.

6:49 PM  
Blogger Márcia(clarinha) said...

FELIZ ANO NOVO meu amigo querido, que a paz esteja conosco e a força da fé nos leve aonde merecemos.
Que 2008 nos faça próximos, me permita provar seus quitutes naturebas e aperte o laço de amizade feita nessa máquina de doidos chamada internet.
Te gosto muito e agradeço pelo carinho e presença constante.
Meus respeitos a sua família.
beijos

2:35 PM  
Blogger Márcia(clarinha) said...

Bendigo o anjo que trouxe alegria para sua alma e a fé no amor, bendito seja!!
2008 em primeiro lugar? Uebaaaaa!! Isso merece um brinde, tim tim amigo.
beijos

1:13 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home