20050908

Sobremesa

Sempre muito bem intencionado,
Por duas vezes,
Para a sobremesa de meu "bem"
Eu lhe trouxe maçã e pêra.
Só que ela,
Sempre muito apressada,
Sem gratidão no coração,
Nas duas vezes,
Essa sobremesa, dela,
Ela se esqueceu.
Nisso fico aqui
Agora matutanto
E pensando com meus botões:
Da próxima vez
Não trago mais
Ou se trazê-las
Ei eu mesmo de comê-las
Sem nenhum ressentimento!

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home